Libertadores a missão II

By:Allan Souza

Falaaaa Nação do Urubuu!

Eu sei que estou a muito tempo sem postar – desde a final da Taça Rio contra o Botafogo- mas peço desculpas e pretendo restabelecer a ordem nesse humilde blog! Confesso que muitas vezes não escrevi por estar ocupado no tempo que eu tinha de escrever e outras vezes por preguiça mesmo. Mas estou voltando novamente a postar. Quero antes de tudo falar aqui que não vou ficar defendendo jogador ou técnico quando está errado. Apesar de ser Flamenguista, tenho que ser imparcial nas minhas avaliações. E será essa proposta tomada daqui pra frente! Sempre defendendo o FLAMENGO e não jogadores que querem transformar a Gávea em zona. Isso NÃO! Mas vamos começar! Tentar avaliar os fatos que não escrevi nesse tempo fora…

A derrota e a aparente volta por cima

Depois da derrota para o Botafogo a massa desandou! É claro que o Botafogo não tem melhor time que o Flamengo, mas, é de se comentar que eles foram mais competentes. Crucificar o Adriano pelo pênalti perdido? Não. Ele jogou mal? Sim. Tem crédito? Tem. E o Flamengo perdeu por uma série de motivos, não só por ele. Alguns dias depois da derrota, veio o jogo contra o Caracas. O grupo destacado pela imprensa como rachado foi a campo e ganhou. Mostrou um futebol incompetente e afobado. No último jogo de Andrade, antes de ser demitido, o time estava “zoneado”. Mal taticamente e perdendo muitos gols. Vamos falar a verdade…o time estava uma bagunça! Ganhamos e com uma combinação tosca de resultados, conseguimos avançar para as oitavas da libertadores. O triste, caros amigos, não é o Flamengo ter sofrido para se classificar. O triste é ter que torcer por um time ridículo como o do Emelec. Os torcedores do Fla vestiram a camisa do Emelec. Isso é ridículo. E nós, torcedores, não merecemos isso! Pagamos ingressos caros e gastamos o tempo que temos para apoiar o time e eles não demonstraram seriedade contra o Caracas. Por isso o Adriano foi vaiado e xingado – esse último injustamente. Não se xinga ninguém! Isso é ofensa e não protesto – Muitos amigos me perguntaram: “O que você achou da torcida xingar o Adriano?” Eu respondi: “ Achei desnecessário…Isso é ofensa e não protesto!”.

E saindo dessa “derrota” e dia seguinte a classificação, aconteceram mudanças no comando do futebol na gávea. Reuniões em cima de reuniões selaram as demissões de Marcos Braz(Vice de Futebol) e Andrade(técnico). Concordei plenamente com a nossa presidente! Precisávamos de uma mudança e uma sacudida nesse elenco. Respeito a opnião dos contrários, mas alguma coisa tinha que acontecer, concordam? É claro que envolve política a demissão do Marcos Braz, que era do grupo contrário a gestão Patrícia Amorim. Mas ainda assim seria correto! Como ela viraria as costas para as pessoas que apoiaram a candidatura dela? Acredito que o grupo político dela estava pressionando essa posição. Mas não podemos achar que na Gávea não tem política, aliás, só tem política! Mas…saberemos se foi correta ou não mais para frente. Isso só o tempo e os resultados poderão nos dizer.

E passando esse turbilhão de fatos, Rogério Lourenço assume interinamente o comando técnico. Era a única opção, pois, Joel Santana havia recusado o convite da diretoria e preferiu continuar no Botafogo. Sinceramente não dá para entender. Talvez por receio de trocar um clube com um bom ambiente para um até então afundado em crise, como a imprensa pautada por empresários e caçadores de crises preferem dizer.

Rogério assumiu o grupo antes um pouco do jogão contra o Corinthians e já foi colocando sua filosofia e gostos para todos verem. Uma até então surpresa entrou no time: Rômulo. O garoto que jogou muito bem na era Natalina(Joel Santana) voltava a ter seu nome escalado. Nem para a reserva ele era lembrado por Andrade e nem por outros que assumiram antes o Fla. Grata surpresa! Não precisa falar o que o garoto fez né? Um dos melhores no time de quarta-feira. Agora vamos esperar o próximo jogo e torcer para esse grupo mostrar sua força lá em São Paulo. Todos os empates lá são nossos e podemos perder por 1 gol de diferença contanto que façamos gols. Exemplo: Cor 2×1 Fla, Cor 3×2 Fla e assim por diante. Se o Corinthians ganhar pelo placar de 1×0 a vaga será decidia nos pênaltis.

Agora é esperar e ver o que acontecerá! Avante Nação!

Saudações Rubro-Negras!

0 Responses to “Libertadores a missão II”



  1. Leave a Comment

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s




Calendário

April 2010
M T W T F S S
« Mar   May »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

Visitações

  • 13,386

%d bloggers like this: